ACADEMIA DE LETRAS DO BRASIL

SNP - SETOR DE NORMAS E PROCEDIMENTOS

NORMA 26. DAS SOLENIDADES 'SÍNTESE'

1. Imagine-se 12 escritores sendo 1 do Município A; 3 do Município B; 2 do Município C; 2 do Município D; 4 do Município E;

Os números de suas Cadeiras 'exemplo' serão:

Cadeira 01/ALB/MS/A

Cadeira 01/ALB/MS/B
Cadeira 02/ALB/MS/B
Cadeira 03/ALB/MS/B

Cadeira 01/ALB/MS/C
Cadeira 02/ALB/MS/C

Cadeira 01/ALB/MS/D
Cadeira 02/ALB/MS/D

Cadeira 01/ALB/MS/E

Cadeira 02/ALB/MS/E
Cadeira 03/ALB/MS/E
Cadeira 04/ALB/MS/E



Coloca-se em Negrito as Cadeiras de Número 01 de cada município, para chamar atenção para o fato de ' ... os Ocupantes da Cadeira 01, constituem=se em Presidentes das ALB/MS Municipais de seus respectivos municípios.
Importante: os Modelos de diplomas podem sofrer alterações de cores e designe, sem perda de conteúdos, exceto aqueles obrigatórios: Seccional; Nome, Número de Cadeira e Data. Todos os documentos oficiais da ALB, inclusive os Diplomas, são subscritos com Brasília, DF...
Muitos Presidentes Estaduais, diante a dúvida na escolha de quem indicar como presidente em dado município, iniciam a emissão dos diplomas, a partir da Cadeira 02, deixando a decisão de quem ocupará a Cadeira 02, para momento futuro.
-x-x-x-x-x-x
Togas e Pelerines, contam com total liberdade as suas Confecções, Modelos, Cores, a critério da Seccional Estadual ou Municipal; 'poderá, em uma mesma solenidade, observar-se variadas cores e modelos, segundo sejam estes adotados pelas Seccionais Municipais integrantes.
-x-x-x-x-x-x
Orientações elementares em Relação ao Cerimonial:

' Prerrogativas à composição da Mesa Solene: Presidente da ALB, Presidente da ALB do Estado onde se realiza a Solenidade; Maior autoridade Pública Presente; Membros do Conselho Superior Nacional; Presidentes de Seccionais Internacionais; Vice-Presidentes 'de Regionais Estaduais'; Presidentes Estaduais; Presidentes de Entidades Culturais Visitantes; Outras autoridades civis...
' Imediatamente a instalação da Mesa Solene, chama-se o Hino Nacional Brasileiro
' O Presidente Nacional delega a condução dos trabalhos a maior autoridade pública presente - este abre
' A Diplomação, um a um dos Membros, se faz conjuntamente, Presidente Nacional e Estadual
' O Compromisso Acadêmico 'Oficial da ALB' é conduzido pelo Presidênte Nacional
' A Posse 'Da Ordem de Platão' contará com a condução da Presidente da Seccional Estadual
' Ainda que obrigatório os discursos individuais de posse, com citação aos respectivos Patronos, 'Apenas um Orador é chamado para discursar em nome dos Empossados'
' A Diplomação de Personalidades Locais, é conduzida pelo Presidente Estadual
' A deliberação quanto a indicação de Escritores à Diplomação 'Doutores Honoris Causa' é prerrogativa exclusiva da Presidência Nacional
- para a Solenidade de 25 de agosto, até o presente, o Presidente indicou ao título Doutor Honoris Causa, somente a Presidente da Seccional Estadual/MS)
' Pronunciamentos Oficiais de Encerramento: Presidente Nacional e, encerrando: Presidente Estadual
' Ao término da Solenidade o Presidente é chamado o Hino do Estado onde se realiza a Solenidade, pelo Presidente da ALB/Local como Ato Oficial de Encerramento da Solenidade
' Ao término da Cerimônia, reunem-se os Imortais para Foto Oficial de Registros Históricos;
' Após ao Hino do Estado e fotos' o Cerimonialista convida os presentes para saborearem a um 'Coquetel de Frutas - Padrão da ALB'
-x-x-x-x-x
Elementarmente são estas as principais observações, quaisquer dúvidas, contatar-nos: